SOODGI | Sobre os ombros de gigantes

O ALMANAQUE DE NAVAL RAVIKANT: UM GUIA PARA RIQUEZA E FELICIDADE

Esta é uma tradução autorizada do livro The Almanack of Naval Ravikant, editada a partir da versão final publicada. Para acessar o artigo original em inglês clique aqui. Para saber mais sobre o projeto e ver mais conteúdos em português acesse aqui.

INTRODUÇÃO: AGORA, AQUI ESTÁ NAVAL EM SUAS PRÓPRIAS PALAVRAS...

BACKGROUND

Cresci em uma casa de pais solteiros com minha mãe trabalhando, indo para a escola e criando meu irmão e eu como crianças que ficavam em casa sozinhas. Éramos muito auto-suficientes desde muito cedo. Havia muitas dificuldades, mas todos passam por dificuldades. Isso me ajudou de várias maneiras.

Éramos imigrantes pobres. Meu pai veio para os EUA — ele era um farmacêutico na Índia. Mas seu diploma não foi aceito aqui, então ele trabalhava em uma loja de ferragens. Não foi uma grande criação, sabe. Minha família se separou. [47]

Minha mãe proporcionou de forma única, num contexto de dificuldades, amor incondicional e infalível. Se você não tem nada em sua vida, mas tem pelo menos uma pessoa que o ama incondicionalmente, isso fará maravilhas para sua autoestima. [8]

Estávamos em uma parte da cidade de Nova Iorque que não é muito segura. Basicamente, a biblioteca era meu centro pós-escolar. Depois que voltava da escola, eu ia direto para a biblioteca e ficava lá até fecharem. Depois, eu voltava para casa. Essa era a minha rotina diária. [8]

Nos mudamos para os EUA quando éramos muito jovens. Eu não tinha muitos amigos, portanto, não estava muito confiante. Eu passava muito tempo lendo. Meus únicos amigos verdadeiros eram os livros. Os livros fazem grandes amigos, porque os melhores pensadores dos últimos milhares de anos lhe contam suas pepitas de sabedoria. [8]

Meu primeiro emprego foi em uma empresa de fornecimento ilegal de comida indiana na parte de trás de uma van quando eu tinha quinze anos. Mesmo quando eu era mais jovem, eu entregava jornais nas casas e lavava pratos na lanchonete.

Eu era uma criança totalmente desconhecida em Nova York, de uma família sem nada, uma situação de “imigrantes tentando sobreviver”. Depois, passei no teste para entrar na Stuyvesant High School. Isso salvou minha vida, porque uma vez que eu tinha a marca Stuyvesant, entrei em uma faculdade da Ivy League, o que me levou a ingressar na tecnologia. A Stuyvesant é uma daquelas situações de loteria de inteligência em que você pode entrar com validação instantânea. Você passa de colarinho azul a colarinho branco em um só movimento. [73]

Em Dartmouth, estudei economia e ciência da computação. Houve um tempo em que eu pensava que faria um doutorado em economia. [8]

Hoje, sou um investidor, pessoalmente, em cerca de duzentas empresas. Conselheiro de um monte delas. Estou em um monte de conselhos. Sou também um pequeno sócio de um fundo de criptomoeda, porque estou realmente interessado no potencial das criptomoedas. Estou sempre preparando algo novo. Eu tenho sempre um monte de projetos paralelos. [4]

Tudo isso, naturalmente, além de ser o fundador e presidente da AngelList. [4]

Eu nasci pobre e miserável. Agora estou bastante abastado e muito feliz. Eu trabalhei nisso.

Aprendi algumas coisas, e alguns princípios. Eu tento explicá-los de forma atemporal, onde você pode descobrir por si mesmo. Porque, no final das contas, não consigo ensinar nada. Posso apenas inspirá-lo e talvez dar-lhe alguns ganchos para que você possa se lembrar. [77]

Ao vivo, no Twitter, Naval (aplausos seguem…)

Em 18 de maio de 2007

Caso queira falar sobre o texto você pode utilizar a caixa de comentários mais abaixo. Para receber um aviso por email de novos conteúdos assine a nossa Newsletter

ANTERIOR

Linha do tempo de Naval Ravikant

PRÓXIMO

Entenda como a riqueza é criada

Comentários:

Compartilhe este conteúdo: